• Dr Ricardo Kosop

Dia do Infectologista.



O Dia do Infectologista é uma homenagem ao médico especialista em doenças infecciosas. A especialidade médica é reconhecida no Brasil há muitos anos, desde o final do século 19, quando graves epidemias assolavam o país. Uma realidade infelizmente reforçada pela pandemia da Covid-19, que se espalhou pelo mundo e que já causou mais de 12 milhões de casos e 300 mil mortes no país.


O fundador da Clínica Médica Kosop, em Curitiba, é o infectologista Dr. Ricardo Kosop.

O que trata um Médico Infectologista.

Qualquer doença causada por um agente infeccioso deve ser tratada pelo infectologista. Além da Covid-19, as doenças infecciosas mais comuns no Brasil são a tuberculose, meningite, pneumonia, infecções em feridas, micoses (fungos), viroses transmitidas por mosquitos (dengue, zika, chikungunya, febre amarela), doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) causadas por vírus ou bactérias (AIDS, hepatite, gonorreia, sífilis, clamídia, herpes, etc), viroses respiratórias como a gripe comum e a h1n1, viroses infantis e verminoses.



A origem do Dia do Médico Infectologista.

Comemorada em 11 de abril, a data estabelecida pela Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) foi escolhida por ser o aniversário do Doutor Emílio Ribas, renomado médico atuante no campo das doenças infecciosas.


Através do seu trabalho, esse sanitarista brasileiro conseguiu provar que a transmissão da febre amarela acontecia através da picada do mosquito Aedes Aegypti, ao contrário do que se pensava anteriormente, que o contágio acontecia de uma pessoa para outra. Além de ser especialista e pesquisador das doenças infecciosas, durante quase duas décadas o Dr. Emílio foi diretor do Serviço Sanitário do Estado de São Paulo. Para marcar uma consulta com o nosso infectologista Dr. Ricardo na Clínica Kosop em Curitiba, ligue para (41) 99111-6472 ou (41) 3022-6472.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo